Home Notícias Pedro Geraldes é Lázaro

Pedro Geraldes é Lázaro

Pedro Geraldes é Lázaro
0

Guitarrista dos Linda Martini apresenta-se a solo

Primeiro, deu-se a conhecer nos Linda Martini. Depois, compôs e actuou com outros, em projectos tão diversos quanto Mão Verde, com Capicua, Aline Frazão ou Carminho. Agora, finalmente, aventura-se a solo. “Almada” e “Darque (no chão da Califórnia)” são as primeiras canções apresentadas, por Lázaro, o alter-ego escolhido por Pedro Geraldes.

Segundo comunicado de imprensa, “Lázaro é Pedro Geraldes. O mesmo Pedro Geraldes de Linda Martini, mas sozinho. Desde sempre compôs para as gavetas e para os amigos. Com guitarra, pedais, sintetizadores, computadores e muitas outras coisas sonoras. Agora, abre a sua música a quem quiser ouvir”. Esta libertação da sua música, ironicamente, surgiu na fase em que Geraldes foi obrigado a ficar em casa, sendo o resultado “dois temas catárticos e hipnóticos. A primeira que tem excertos da “A cena do ódio”, de Almada Negreiros, numa voz visceral e quase irreconhecível de Mário Viegas, sobre uma batida que nos parece querer atirar para a frente. A segunda, mais soturna, num ambiente que poderia sair de um filme de David Lynch, traça uma viagem pulsante por um percurso que mistura sonoridades eletrónicas com guitarras, ora etéreas, ora cortantes, a um poema de Eugénio de Andrade dedicado a Jorge de Sena”.

Estes dois momentos, porém, não se prevêem filhos únicos – até porque “Lázaro, pretende voltar à vida muitas vezes, ao ritmo das suas vontades, para ir libertando mais temas do seu arquivo, sem pretensão ou compromisso, para (talvez um dia) reunir tudo num vinil bonito”.

LEAVE YOUR COMMENT